Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2012 / Julho / Operação Xawara combate extração ilegal de ouro em Roraima

Operação Xawara combate extração ilegal de ouro em Roraima

13/07/2012

Boa Vista/RR – A Polícia Federal, com o apoio do  Ministério Público Federal em Roraima, deflagrou hoje (13/7) a Operação Xawara com objetivo de reprimir o garimpo ilegal na terra indígena Yanomami em Roraima.

A extração de ouro ocorreu nos leitos dos rios por meio do bombeamento do material do fundo para a superfície de grandes balsas ou pela lavra em barrancos causando forte impacto ambiental.

No decorrer das investigações foram identificados cinco grupos criminosos que atuavam para manter o garimpo ilegal, sendo eles formados por aviadores, empresários ligados ao ramo de joalheria e proprietários de balsas e motores para a extração do ouro.

Vários aviões foram utilizados para o transporte com o fim de levar pessoas, maquinário, alimentação, mercúrio e munição para arma de fogo.

 

 

Balanço parcial da Operação Xawara:


- 11 aviões utilizados pelos criminosos para a manutenção do garimpo na TIY;

- 3 empresas que receptam o ouro;

- 8 pilotos e um mecânico de aeronave que auxiliam na lavra ilegal do ouro levando insumos para o garimpo;

- 6 empresários proprietários de balsas e motores para a extração do ouro;

- 12 veículos utilizados diretamente pelo grupo para apoiar a atividade.

- 33 mandados de prisão temporária;

- 44 mandados de busca e apreensão;

- Autorização para apreender 11 aviões;

- Autorização para apreender ouro, pedras e metais preciosos;

- Autorização para apreender 12 veículos;

- Suspensão da autorização para pilotar aviões de oito pilotos e de um mecânico.

 

* Xawara é o termo utilizado genericamente pelos índios com o fim de designar a palavra epidemia e para definir as doenças causadas pela fumaça que emana do processo de precipitação do ouro através da queima do mercúrio.

 

 

 

Comunicação Social da PF em Roraima
Tel.: (95) 3621-1522

registrado em: